Shopping no centro de Brasília tem movimento intenso no último fim de semana antes do Natal

400 mil brasilienses pretendem fazer compras de última hora

Apesar de expressivo, o número de consumidores representa uma queda de 33,3% em relação ao ano passado

Segundo o Sindicato do Comércio Varejista (Sindivarejista) a expectativa é de que pelo menos 400 mil brasilienses devem ir às compras antes do natal. Comparado ao mesmo período do ano passado haverá uma redução de 33,3%, quando 600 mil compareceram de última hora no comércio para a compra de algum presente.

Devido à pandemia do novo coronavírus o mercado recuou bastante e fechou mais de 750 empresas, o que deixou cerca de 6 mil pessoas de diferentes setores desde março. O comércio varejista abriu, neste ano, para os eventos de fim de ano, 3 mil vagas de empregos temporários. 75% das vagas foram preenchidas.

 Gasto

O brasiliense deve gastar R$ 220 neste ano contra R$ 263 do ano passado. Brinquedos, roupas, calçados, objetos para o lar, perfumes devem ser os itens mais buscados nas compras de final do ano. 95% das compras serão em cartões de crédito. Com queda nas vendas, lojas e shoppings reduziram gastos com decoração e premiação.

Serviço

Dia 24: lojas de entrequadras e shoppings fecharão as portas às 19h00.

Dia 25: os estabelecimentos estarão fechadas e reabrem no dia 26.

Print Friendly, PDF & Email