Acesso as informações da CLDF será facilitada com o novo Portal da Transparência

No site os interessados poderão acompanhar como o legislativo local e os deputados distritais utilizam o dinheiro público

Todo cidadão brasileiro tem direito ao acesso livre aos dados do governo. Esse direito foi previsto no inciso XXXIII do art. 5ª da Constituição Federal e foi normatizado pela Lei de Acesso a Informação (Lei nº 12.527, de 18 de novembro de 2011). Nesse sentido, o Portal da Transparência foi lançado no ano de 2004, pelo Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União. É um site de acesso livre, onde qualquer pessoa pode encontrar informações sobre como o dinheiro público está sendo usado. Além disso, o site traz informações sobre assuntos relacionados à gestão pública do Brasil. No âmbito do Distrito Federal, existe o Portal da Transparência da CLDF. Nova versão do sistema foi lançada para facilitar ainda mais o acesso às informações, tais como: Impostos arrecadados, salários dos servidores públicos, entre outros.

O deputado Delmasso (Republicanos), apresentou as funcionalidades do Portal da Transparência em uma live transmitida pela TV Web CLDF. “No site, de acesso livre, os interessados vão poder acompanhar como o Legislativo local e os deputados distritais utilizam o dinheiro público”. O deputado falou da facilidade dos smartphones. “As verbas indenizatórias, os recursos humanos, contratos e licitações estarão ao alcance da mão”. Segundo Delmasso, o novo portal é didático e de fácil acesso.

Também foi lançado o novo Sistema de Verbas Indenizatórias, que permite avaliar como as despesas dos parlamentares estão sendo realizadas. “Sobre este ponto, em breve, teremos mais novidades, pois está sendo preparado um aplicativo para o cidadão acompanhar com mais agilidade a aplicação dessas verbas”.

As novas ferramentas fazem parte de um conjunto de medidas de inovação e modernização tecnológica que a Câmara Legislativa vem empreendendo desde o início do ano passado. Segundo Delmasso, “O objetivo da Câmara Legislativa é estar cada vez mais conectada com a população”, comentou o vice-presidente da Casa. “Tudo isso é parte da intenção da atual Mesa Diretora de diminuir os gastos, para que o Distrito Federal disponha de mais recursos para a realização de obras e outras ações”

Print Friendly, PDF & Email