Bolsonaro “justifica” aumento da energia elétrica

De acordo com Bolsonaro, se não houvesse aumento na conta de luz poderia ocorrer apagões devido aos baixos níveis dos reservatórios pelo país

Questionado sobre o aumento na conta de luz, definido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que decidiu reativar as bandeiras tarifárias e estabelecer a vermelha 2 para dezembro, Bolsonaro respondeu que os reservatórios estão com “níveis baixíssimos” e que haveria risco de apagões se nada fosse feito.

No Facebook, um seguidor criticou o aumento da conta de luz. “A conta de luz vai aumentar. Obrigado PR.”, ironizou.

Bolsonaro defendeu a decisão da agência. “As represas estão (com) níveis baixíssimos. Se nada fizermos poderemos ter apagões. O período de chuvas, que deveriam começar em outubro, ainda não veio. Iniciamos também campanha contra o desperdício……”

Aumento

Nessa segunda-feira (30), a Aneel decidiu ativar a bandeira tarifária vermelha, desta forma, serão cobrados R$ 6,24 a mais a cada 100Km/h consumidos.  Na última sexta-feira a projeção divulgada pelo Operador Nacional do Sistema (ONS) mostra que, neste mês de dezembro, a carga de energia do Brasil deverá aumentar 4,4%, enquanto as chuvas em regiões de reservatórios de usinas hidrelétricas ficarão abaixo da média.

Print Friendly, PDF & Email