Agência Brasil

Brasil pode ser ultrapassado por três países e cair para 12ª economia

Cálculos do FMI, compilados pela FGV, indicam que o país deve ter uma retração de 5,8% no PIB, que se transforma em 28,3% quando considerada a desvalorização do real

Em 2019 o Produto Interno Bruto brasileiro equivalia a US$ 1,8 trilhão, mas segundo o FMI, em 2020 o PIB pode sofrer uma queda de 5,8%. Assim, o Brasil deixa de fazer parte lista das dez maiores economias do mundo.

Isso deve ocorrer devido à desvalorização do real com relação à moeda americana. Na conversão do PIB para dólares, a retração calculada pelo FMI passa para 28,3%. O Brasil passará a ocupar a 12ª, que antes ocupava a nona posição, sendo ultrapassado pelo Canadá, Coreia do Sul e pela Rússia.

O governo estimou uma projeção de 4,7%, bancos e consultorias locais, estimam 4,8.

Print Friendly, PDF & Email