Caiado descobre mais uma treta do padrinho de Lêda Borges, Marconi Perillo

Dinheiro público foi usado para comprar presentes a amigo do tucano, como joias e obras de arte, revelam notas fiscais

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, descobriu mais uma ilegalidade da gestão do antecessor Marconi Perillo.

Perillo, que é padrinho político de Lêda Borges em Valparaiso, tinha um lado bem “generoso” em seu governo: presenteava afetos com dinheiro público. Notas fiscais de obras de arte, joias e outros artigos de luxo foram localizadas por servidores do governo.

Diante da farra dos presentinhos, Caiado mandou proibir o uso de dinheiro público para o pagamento de presentes no governo. “Se o gestor público quiser agradar alguém, que tire do bolso”, disse.

Print Friendly, PDF & Email