Chega a São Paulo mais dois milhões de doses da vacina CoronaVac

O governador João Doria recebe hoje no aeroporto internacional de Guarulhos (SP) mais dois milhões de doses da vacina CoronaVac

Chegou na manhã desta sexta-feira (18), o terceiro lote de vacinas da farmacêutica Sinovac, ao aeroporto internacional de Guarulhos (SP). Dois milhões de doses foram entregues ao governador João Doria.

Em suas redes sociais, João Doria afirma ser um passo importante, “Estamos no aeroporto de Guarulhos para receber 2 milhões de doses da vacina do Butantan contra o coronavírus. Mais um importante passo para garantir que o Brasil tenha condições de imunizar sua população o quanto antes. Sentimento de esperança.” afirmou.

A previsão do Instituto Butantan é de ter 46 milhões de doses do imunizante no início do próximo ano. Com a chegada do novo lote, o Estado passará a ter 3,1 milhões de vacinas. No decorrer dos próximos dias chegarão novos insumos, de acordo com o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, no começo do ano nove milhões de doses estarão disponíveis.

“Esse foi o cronograma solicitado pelo Ministério da Saúde”, disse o diretor do Butantan. “Vamos também dar entrada no pedido de uso emergencial no Brasil e no pedido de registro” confirmou.

Para que a imunização comece em janeiro, os Instituto Butantan prevê que são necessárias 18 milhões de doses. O Instituto está trabalhando todos os dias sem pausa para que a produção da CoronaVac seja um sucesso. O esperado é produzir um milhão de doses por dia.

No último dia 3, o Butantan recebeu 600 litros de matéria-prima, suficientes para produzir um milhão de doses. Antes, em 19 de dezembro, o instituto já havia recebido 120 mil doses prontas. No total, serão 7 milhões de insumos recebidos neste ano.

Print Friendly, PDF & Email