Estado de saúde de Maguito Vilela preocupa eleitores

Mesmo internado por conta de complicações com a Covid-19, Maguito Vilela deverá ser eleito no segundo turno à prefeitura de Goiânia

O covid está sendo uma luta diária desde outubro para o candidato a prefeito de Goiânia, Maguito Vilela (MDB), ele que é o favorito para ocupar o cargo está enfrentando uma grande batalha contra o coronavírus, no último dia 30 foi intubado na UTI do hospital Albert Ainsten.

O maior medo no momento é que o quadro que até então está estável piore, e o cargo que seria ocupado por Maguito passe ao vice, Rogério Cruz, desconhecido pelo povo da região.

Outro corrente é Vanderlan Cardoso (PSD), que tentou manchar a candidatura de Maguito afirmando que ele não era transparente com seus eleitores, porém o caso se voltou contra ele quando declarou seu apoio ao Chico Rodrigues (DEM-RR) deputado que foi pego escondendo dinheiro nas roupas íntimas.

Análise feita pela professora, Denise Paiva da UFG, avalia que candidatura de Manguito é uma incógnita “Para o eleitor, é uma situação incógnita. O estado de saúde de Maguito é delicado. E a campanha do Vanderlan tentou acusar de falta de transparência na situação de saúde, mas isso se reverteu contra ele. A dificuldade é que o candidato a vice é desconhecido. É um bispo da Universal. Pode resultar em aumento do número de votos brancos e nulos, embora não deva reverter o resultado, em função da rejeição em relação a Vanderlan” afirma.

Print Friendly, PDF & Email