Governo deve publicar MP de privatização da Eletrobras nesta terça-feira

Governo deve publicar MP de privatização da Eletrobras nesta terça-feira

A intenção do governo em publicar a Medida Provisória (MP) é reduzir os rumores de ingerência política em estatais, e mostrar compromisso de Bolsonaro com privatizações prometidas para 2021

O governo do presidente Jair Bolsonaro atuam para publicar ainda nesta terça-feira (23) a Medida Provisória (MP) para propor acordo de privatização da elétrica federal Eletrobras. A intenção do governo é reduzir os rumores de ingerência política em estatais, e mostrar compromisso com privatizações prometidas para 2021. 

A MP deve incluir a Eletrobras no Plano Nacional de Desestatização e permitir que o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) inicie os estudos de privatização da estatal. A medida deve ser publicada em edição extra do Diário Oficial da União, assim que liberada. 

Leia também:  Para Mourão, PEC Emergencial e privatizações são “temas polêmicos” e não terão fácil aprovação

Diante disso, as ações da Eletrobras disparam no pregão da B3 de hoje (23), os papéis da Eletrobras estão subindo mais de 10%, negociados por volta de R$ 32, garantido um dia de bons negócios, o Ibovespa sobe 1,62%, aos 114.491 pontos, nesta tarde, na contramão do mercado externo. 

Em entrevista ao Valor Econômico, o presidente da Câmara, Arthur Lira, já adiantou alguns pontos da MP de privatização da Eletrobras. Um deles é a presença da chamada “golden share”, ação de classe especial que garante à União poder de veto em questões estratégicas, além de uma democratização de gestão e injeção de capital.