Homem é preso após roubar e estuprar mulher em passagem subterrânea na 116 Norte

Uma mulher de 37 anos foi abordada por um homem de 22 na passarela subterrânea da 116 Norte, mas a polícia chegou a tempo de evitar a conjunção carnal

Nesta quarta-feira (10), um homem de 22 anos, por voltas das 7h00, foi preso em flagrante suspeito de roubar e estuprar uma mulher de 37 anos, em uma passarela subterrânea da 216 Asa Norte.  

Policiais Militares do 3º Batalhão (Asa Norte), patrulhavam a região quando receberam a denúncia de que ocorria um estupro na passarela subterrânea. No local, os militares encontraram o homem, que tentava violentar a mulher.

Quando notou os policiais, o homem tentou disfarçar. Ele colocou o braço no ombro da mulher e andou no sentido contrário. Com medo, a vítima conseguiu gesticular disfarçadamente e pedir ajuda.

Os polícias chegaram a tempo e impediram a “conjunção carnal”. Os PMs encaminharam o acusado para 5ª Delegacia de Polícia.

Irregularidades

A Rede Urbanidade, formada por representantes da sociedade civil e do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), em janeiro realizou vistorias nas passarelas subterrâneas do Eixão.

Durante as avaliações, os peritos do órgão encontraram “uma série de irregularidades”, como infiltrações, deficiência de iluminação, falta de acessibilidade, existência de pontos cegos e sujeira.

Print Friendly, PDF & Email