Segunda, 22 de Julho de 2024
10°

Tempo limpo

Brasília, DF

Sociedade Dia do abraço

O Dia do Abraço: Celebrando a conexão humana em tempos de distanciamento

O abraço, ato simples e poderoso, tem comprovados benefícios para a saúde física e emocional

22/05/2024 às 13h37 Atualizada em 22/05/2024 às 13h40
Por: Claudio Campos
Compartilhe:
Reprodução/Internet
Reprodução/Internet

Neste 22 de maio, o mundo celebra o Dia do Abraço, uma data que, mais do que um simples gesto de carinho, representa a importância das conexões humanas. Criado para promover a empatia e a solidariedade, o Dia do Abraço ganha um significado especial em tempos de distanciamento social e avanços tecnológicos que, apesar de aproximarem pessoas virtualmente, muitas vezes diminuem o contato físico direto.

Continua após a publicidade

O abraço, ato simples e poderoso, tem comprovados benefícios para a saúde física e emocional. Estudos científicos indicam que abraçar pode liberar oxitocina, o "hormônio do amor", que ajuda a reduzir o estresse, a pressão arterial e até mesmo a dor. Além disso, promove um senso de segurança e bem-estar, fortalecendo os laços afetivos entre as pessoas.

Neste contexto, o Dia do Abraço serve como um lembrete para valorizarmos esses momentos de proximidade. Em um mundo onde o isolamento social se tornou necessário devido à pandemia de COVID-19, muitos redescobriram a importância dos abraços e do contato físico. A necessidade de adaptação levou à popularização de formas alternativas de demonstração de afeto, como o "abraço virtual" e gestos simbólicos, mas a essência do abraço físico permanece insubstituível.

À medida que as restrições diminuem e a vida retorna gradualmente à normalidade, o Dia do Abraço deste ano oferece uma oportunidade para refletir sobre as conexões que mantemos e como podemos fortalecê-las. Seja um abraço entre familiares, amigos ou até mesmo entre estranhos, este gesto simples pode quebrar barreiras e unir pessoas de diferentes culturas e contextos.

Em Brasília, diversas iniciativas têm sido organizadas para celebrar a data, promovendo campanhas de conscientização sobre a importância do toque humano e incentivando as pessoas a demonstrarem carinho de maneira segura e responsável. A capital federal, conhecida por sua diversidade e dinâmica social, reforça a mensagem de que, mesmo em meio a desafios, a união e o afeto podem prevalecer.

Portanto, neste Dia do Abraço, que possamos redescobrir o valor de estar próximo, de sentir e compartilhar carinho. Que o abraço seja um símbolo de esperança e de renovação das relações humanas, fundamentais para uma sociedade mais solidária e empática.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Claudio Campos
Claudio Campos
Sobre Claudio Campos iniciou no jornalismo, como repórter de política, em 1979 e adquiriu seu registro profissional MTB/FENAJ (Federação Nacional de Jornalistas) n°2993/DF em 12 de fevereiro de 2003 e registro FIJ (Federação Internacional de Jornalistas) n° BR19488 em 16 de setembro de 2022. Apartidarismo, imparcialidade crítica e independência jornalística são preceitos básicos que norteiam sua conduta profissional e pessoal.
Brasília, DF Atualizado às 04h01 - Fonte: ClimaTempo
10°
Tempo limpo

Mín. 13° Máx. 25°

Ter 26°C 15°C
Qua 26°C 15°C
Qui 27°C 15°C
Sex 28°C 15°C
Sáb 28°C 16°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes