Sábado, 22 de Junho de 2024
19°

Tempo limpo

Brasília, DF

Polícia Esquema de Tráfico

Operação policial desmantela esquema de tráfico de cetamina em clínica veterinária

A ação resultou na prisão, em flagrante, de um médico veterinário, de 30 anos, proprietário de uma clínica veterinária em Ceilândia.

07/06/2024 às 10h06
Por: Agência 2CNews Fonte: PCDF
Compartilhe:
Divulgação/PCDF
Divulgação/PCDF

Nesta sexta-feira (7), a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio da 5ª Delegacia de Polícia, com apoio operacional da Divisão de Operações Especiais (DOE) da PCDF, desmantelou um esquema de tráfico de cetamina para uso recreativo. A ação resultou na prisão, em flagrante, de um médico veterinário, de 30 anos, proprietário de uma clínica veterinária em Ceilândia.

Continua após a publicidade

A investigação, que durou cinco meses, revelou que, em pouco mais de um ano, o traficante adquiriu aproximadamente 93 litros do produto Cetamin. Essa quantidade é suficiente para anestesiar pelo menos 124.933 gatos, 41.644 cachorros ou 1.249 cavalos. Considerando a associação de outros fármacos para anestesia, essa quantidade poderia dobrar, evidenciando o enorme potencial de abuso e risco à saúde pública. Durante a operação, foram apreendidos mais de dez frascos de cetamina, reforçando as evidências contra o suspeito.

O caso traz à memória a trágica morte da modelo Djidja Cardoso (Sinhazinha do Boi Garantido) e do ator Matthew Perry, famoso pelo seriado “Friends”, ambos vítimas do uso recreativo de cetamina. Suas histórias servem como alertas para os perigos associados ao uso indevido dessa substância, que, apesar de ser um importante anestésico na medicina veterinária, tem efeitos devastadores quando consumida fora do contexto médico.

A operação teve o apoio técnico do Ministério da Agricultura e Pecuária, por meio do Programa Vigifronteiras, responsável pelo controle da venda de cetamina, destacando a importância da cooperação entre diferentes órgãos para combater o tráfico de drogas. O traficante, que não possuía passagens anteriores pela polícia, será indiciado pelo crime de tráfico de drogas, conforme o artigo 33 da Lei 11.343/06, podendo enfrentar uma pena de até 15 anos de prisão.

Esse desfecho marca uma vitória significativa na luta contra o tráfico de drogas, reforçando o compromisso das autoridades em garantir a segurança e a saúde da população do Distrito Federal. A PCDF continua empenhada em investigar e desarticular esquemas criminosos, protegendo a sociedade de práticas ilícitas e perigosas.

Assessoria de Comunicação – Ascom/DGPC

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários