Segunda, 22 de Julho de 2024
22°

Tempo limpo

Brasília, DF

Educação ImpactMeninas

Projeto abre perspectivas profissionais para estudantes da rede pública do DF

Parceria da Secretaria de Educação com Embaixada da França leva componentes culturais para dentro da escola, buscando abrir novos caminhos para alunos

21/06/2024 às 11h50
Por: Agência 2CNews Fonte: Agência Brasília
Compartilhe:
Mary Leal/SEEDF
Mary Leal/SEEDF

Para mostrar para as meninas do ensino médio do Centro Educacional do Lago Norte (Cedlan) que as mulheres podem estar onde quiserem, a Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEEDF) e a Embaixada da França realizam o projeto ImpactMeninas. Por meio de oficinas realizadas na escola, elas aprendem desde cedo a romper preconceitos e a descobrir que novos caminhos profissionais são possíveis.

Continua após a publicidade

A estudante do 1º ano do ensino médio Eloá Marinho, de 15 anos, conta que, antes de participar do projeto, pensava em profissões “mais tranquilas”. “Agora, eu quero ser bombeira, uma profissão de linha de frente. Quero mostrar que sou mulher e posso fazer o que eu quiser, mesmo sabendo que não vai ser fácil”, afirma a jovem, que mora no Lago Norte.

Cursando o 3º ano do ensino médio, Betina Lisboa, 17, conta que seu pensamento mudou muito após participar do ImpactMeninas. “O projeto realmente incentiva as mulheres a chegarem aonde quiserem. Traz mulheres para falarem sobre suas trajetórias e expectativas. Isso é essencial porque incentiva a nossa força e mostra que mesmo não sendo fácil, a gente vai conseguir”, conta a moradora do Itapoã, que está em dúvida entre os cursos de medicina veterinária ou enfermagem.

No primeiro semestre, o projeto realiza atividades coletivas com meninas e meninos. Já no segundo semestre, são oferecidas mentorias com mulheres de “impacto” para inspirar as estudantes. O tema escolhido para as atividades coletivas de 2024 foi “As mulheres e o esporte”, com foco nas Olimpíadas de Paris.

O projeto é realizado na escola desde o ano passado e, em 2024, foi lançado em 8 de março, no Lycée Français, onde os estudantes tiveram a oportunidade de dialogar com a triatleta e maratonista Vivian Dombrowski. No final de maio, os estudantes voltaram à escola francesa para a exposição Les Elles des Jeux e para a exibição do curta Les Roses et les bleus, da diretora francesa Claudia Lopez Lucia. Na última quarta-feira (19), foi a vez de participarem de uma gincana realizada no próprio Cedlan.

O ImpactMeninas também tem uma parceria com a Aliança Francesa, que concede bolsas de estudo para os professores do Cedlan para que eles fiquem imersos na cultura e possam inserir elementos daquele país nas atividades pedagógicas dentro dos componentes curriculares de cada disciplina. Atualmente, 18 professores seguem nos estudos da língua francesa.

Programa Intercultural Bilíngue

O projeto realizado no Cedlan faz parte do Programa Intercultural Bilíngue, do Governo do Distrito Federal (GDF) realizado em parceria com as embaixadas da França e da Espanha, com projetos no Centro de Ensino Médio 3 de Taguatinga (CEM 3); da Alemanha, no Centro de Ensino Integrado do Gama (Cemi) e dos Estados Unidos, no Centro Educacional do Lago Sul (CEL).

A diretora de Educação em Tempo Integral da SEEDF, Érica Soares Martins Queiroz, explica que o projeto vai além de apresentar a língua francesa aos estudantes.

“A ideia é trabalhar não só a língua, mas aspectos interculturais que são inseridos nas atividades dentro dos componentes curriculares. Todo o projeto é acompanhado pela Subsecretaria de Educação Inclusiva Integral da SEE”, explica a diretora.

O diretor do Cedlan destaca as possibilidades que o projeto abre para os adolescentes. “O mais importante é o contato com a cultura francófona e as oportunidades de trabalho que se abrem nesse universo”, elogia o diretor da escola Jaime Colares.

O programa começou em 2018 a partir de uma tratativa encabeçada pela Secretaria de Relações Internacionais do DF para que os estudantes da rede pública do DF pudessem vivenciar a vocação internacional que Brasília naturalmente tem por sediar diversos organismos internacionais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários