Segunda, 22 de Julho de 2024
22°

Tempo limpo

Brasília, DF

Polícia Maus-tratos

PCDF resgata pitbull em situação de maus-tratos em invasão no SMPW

A equipe da DRCA encontrou a cachorra em um ambiente extremamente insalubre, rodeada de fezes, sem acesso a comida e água, evidenciando uma situação de abandono e maus-tratos.

09/07/2024 às 11h57
Por: Agência 2CNews Fonte: PCDF
Compartilhe:
Divulgação/PCDF
Divulgação/PCDF

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio do trabalho de investigação da equipe da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra os Animais (DRCA), resgatou uma cachorra, da raça pitbull, em uma invasão localizada nos fundos da chácara da Quadra 21 do Setor de Mansões Park Way (SMPW). O local havia sido alvo de demolição pela Terracap há três meses.

Continua após a publicidade

A equipe da DRCA encontrou a cachorra em um ambiente extremamente insalubre, rodeada de fezes, sem acesso a comida e água, evidenciando uma situação de abandono e maus-tratos. A condição do animal era deplorável, necessitando de cuidados veterinários urgentes, sendo levada para consulta no Hospital Veterinário Público (HVEP) de Taguatinga.

O autor do crime será indiciado por maus-tratos a animais, conforme o artigo 32, parágrafo 1-A da Lei 9.605, assim que for identificado. Uma cópia da ocorrência será enviada ao Instituto Brasília Ambiental (Ibram) para a aplicação de multa administrativa pelos maus-tratos.

Durante o último final de semana, outros quatro cães também foram resgatados na mesma localidade, todos em condições de maus-tratos. A PCDF reforça o compromisso de proteger os animais e combater rigorosamente qualquer forma de crueldade.

A DRCA da PCDF continua a receber denúncias de maus-tratos a animais por meio dos canais de denúncia on-line, Disque-Denúncia (197), ou diretamente na sede da Especializada, que fica no prédio do Departamento de Polícia Especializada—DPE, no Complexo da PCDF,  ao lado do Parque da Cidade.

Assessoria de Comunicação/PCDF

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários