Tarifa mínima de água e esgoto é extinta no DF

Adasa deixa de cobrar tarifa mínima cobrada pela Caesb

A partir de junho a Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa), em parceria com a Caesb farao um novo modelo de cobrança no dia 1o de junho. Será extinta a “tarifa mínima de consulta”, ela é paga por moradores que consumam 10m³ de água e esgoto mensalmente. 

Desde 2017 vem sido estudada a mudança da tarifa. Houve consultas com empresários , entidades públicas e até mesmo sociedade civil para rever custos operacionais do setor de abastecimento de água e esgoto. 

Há expectativa que pelo menos 40% dos consumidores tenham uma redução significativa de valores.

“Após muita conversa, debates e diálogos, chegamos a um plano. E essa ação foi muito bem sucedida. Usamos uma metodologia de análise de impacto regulatório reconhecida internacionalmente. Após alguns adiamentos para entrar em vigor, o resultado sai agora, com um modelo baseado na justiça e no respeito com o consumidor”, Paulo Sales, diretor-presidente da Adasa.

Print Friendly, PDF & Email